Benção

Eliã Oliveira

Compositor: Jonathan Pães / Neto de Carvalho

Deus livrou à Israel das garras de Faraó
Também os fez vencer guerras impossíveis à visão
Acampando-se em Moabe fez temer o rei Balaque
Quando de fronte avistou aquela multidão
E envia os mensageiros com riquezas saindo à procurar
Em busca o profeta Balaão pois o rei mandou lhe chamar
Seguem os anciãos dos moabitas, dos midianitas, levando o preço pra amaldiçoar
E Balaão pediu que passassem a noite naquele lugar
Pois antes de fazer o que o rei ordena, Deus vai consultar
Porém Deus não os deixou ir, nem sobre Israel a maldição lançar
Dizendo: Israel abençoado é,e fez os mensageiros ao seu rei voltar

E tendo se levantado os príncipes dos moabitas e dos midianitas
Foram à Balaque e disseram: Balaão recusou vir conosco
De novo, enviou Balaque príncipes, em maior número e mais honrados que os primeiros
Os quais disseram á Balaão: Vem peço-te que não te demores
Porque grandemente te honrarei e farei tudo o que me disseres
Tão somente rogo-te amaldiçoe à este povo
Talvez poderei ferir e lançar fora desta terra!

Porém jeová, vendo lá de cima mandou lhe avisar
Vê se me obedeces e faça apenas o que eu te mandar
E de manhã se levantou preparou a jumenta e partiu para Moabe
Atender o pedido que lhe fez o rei Balaque
Mas a ira de Deus à Balaão se ascendeu
Foi o anjo que desceu, na contra mão por seu adversário
Bloqueando o caminho e Balaão indignado
Sem entender três vezes no animal bateu
E para ele entender, que ninguém pode este povo amaldiçoar
Uma jumenta teve que com ele falar
Ai foi que ele viu, que o anjo estava lá

Chegando em Moabe Balaque levou Balaão para o monte
Para ver o povo de Israel de longe
De lá sobre eles lançar maldição
Várias foram as tentativas
E faz altares e sobe monte e desce monte
Quanto mais tentavam maldição, só vinha Benção!
Esse povo é escolhido,é abençoado!
Assim como o grão de areia não serão contados
Estão sob a proteção e cuidado de Deus
Não vão amaldiçoar a quem Deus escolheu!
Contra eles nem encanto ou adivinhação
Nada vale, pois é forte sua proteção!
Deus peleja em favor, dos escolhidos seus
Esse povo é propriedade exclusiva de Deus!

Não tem Balaque e nem peleja
Ninguém detém o avançar dessa igreja!
Nem maldição ou bruxaria
Pois Deus nos guarda dia e noite, noite e dia!
Somos povo forte, geração eleita
Ramos enxertados na videira verdadeira
O nosso guarda não dorme não cansa
E é por isso que essa igreja avança

Quanto mais insistem, a igreja avança
Quanto mais perseguem, a igreja avança
Quanto mais oprimem, mais a igreja avança
Quanto mais pelejam mais a igreja cresce

Cresce na benção
Vive na benção
Anda na benção
Segue na benção
Caminha na benção
Avança na benção
De dia tem benção
De noite tem benção

Contra a igreja maldição não há
Pois a benção de Deus, sobre nós está!

©2003- 2017 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital